Jornal Republicano – Órgão Regionalista das Beiras – Há 89 anos a informar
Fundador: 
Adriano Lucas (1883-1950)
Director "In Memoriam":  
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Concelho de Coimbra tem 34 casos confirmados de Covid-19


quarta, 25 março 2020

Coimbra tem 34 casos confirmados de Covid-19. Este dado consta no último boletim com a situação epidemiológica em Portugal, divulgado, ontem, pela Direcção-Geral da Saúde (DGS), que, pela primeira vez, procedeu à caracterização demográfica dos casos confirmados de infecção. No que se refere aos concelhos do distrito de Coimbra mapeados pela DGS no referido boletim surgem, ainda, Condeixa-a-Nova, com três casos, os mesmos que são contabilizados no concelho de Soure. Importa referir que o boletim da DGS apenas divulga concelhos com três ou mais casos confirmados de Covid-19, razão pela qual Cantanhede, com duas pessoas infectadas, e Arganil, com uma, não aparecem na listagem divulgada ontem. Ontem à noite foi confirmado o terceiro caso em Cantanhede, na freguesia de Ançã (ver página 14).
Dos 77 municípios da região Centro, o relatório da DGS indica 10 com pelo menos três infectados: Ovar (55), Coimbra (34), Aveiro (seis), Viseu (seis), Albergaria-a-Velha (cinco), Águeda (três), Condeixa-a-Nova (três), Guarda (três), Pombal (três) e Soure (três). A região Centro representa 12,4% do total do país. A nível nacional, o concelho de Coimbra surge na 11.ª posição de uma tabela composta por 66 municípios, que é liderada por Lisboa com 175 casos confirmados. Seguem-se o Porto com 126, Maia com 104, Vila Nova de Gaia com 68, Valongo com 65 e Gondomar com 56. O “top ten” inclui ainda Ovar com 55 casos, Matosinhos com 54, Cascais com 39 e Sintra com 39.
Segundo o boletim epidemiológico, estão confirmadas 14 mortes na região Norte, seis na região Centro, 12 na região de Lisboa e Vale do Tejo e uma no Algarve. De acordo com a DGS, Portugal regista um total de 2.362 casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus, a grande maioria (2.159) está a recuperar em casa e 203 estão internadas, 48 das quais em Unidades de Cuidados Intensivos. A região Norte continua a registar o maior número de infecções, totalizando 1.130, seguida da região de Lisboa e Vale do Tejo (852), da região Centro (293), do Algarve (46) e do Alentejo (seis casos). Há 12 casos na Madeira e 12 nos Açores. O boletim dá ainda conta de 11 casos de estrangeiros.
Desde 1 de Janeiro foram registados 15.474 casos suspeitos, dos quais 1.783 aguardam resultado laboratorial. Houve ainda 11.329 casos em que os testes não confirmaram a infecção e 22 doentes que já recuperaram (11 em Lisboa e Vale do Tejo, oito na região Centro e três na região Norte).|