Jornal Republicano – Órgão Regionalista das Beiras – Há 91 anos a informar
Fundador: 
Adriano Lucas (1883-1950)
Director "In Memoriam":  
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Maternidade deverá ocupar serviço de Psiquiatria dos HUC


sábado, 16 junho 2018
A nova Maternidade de Coimbra deverá ser instalada no edifício dos Hospitais da Universidade de Coimbra e o siloauto, também no perímetro hospitalar, será todo enterrado no solo e terá uma capacidade para 1200 lugares. Duas novidades que foram reveladas por Fernando Regateiro, presidente do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), na quinta-feira à noite, durante um debate promovido pelo movimento Somos Coimbra para discutir a localização da futura maternidade. Consensual foi a situação “criminosa” em que funcionam as duas maternidades da cidade, em instalações «velhas e degradadas». Perante a necessidade de um novo equipamento que sirva a cidade e a região, a larga maioria dos intervenientes defendeu a sua instalação junto aos HUC, em Celas, e não nos Covões, como defende, entre outros, o presidente da Câmara de Coimbra. A necessidade de ter as grávidas junto a um hospital altamente diferenciado é a principal razão apontada e foram vários os relatos sobre as situações em que é preciso transferir as grávidas para os cuidados intensivos dos HUC. Ou, pelo contrário, em que é preciso chamar, de urgência, especialistas dos HUC paras as maternidades, sendo que, em alguns casos, a resposta é negativa, pois as maternidades não têm os equipamentos que aqueles médicos precisam para socorrer as utentes.
Leia a notícia completa na edição em papel.