Jornal Republicano – Órgão Regionalista das Beiras – Há 94 anos a informar
Fundador: 
Adriano Lucas (1883-1950)
Diretor "In Memoriam":  
Adriano Lucas (1925-2011)
Diretor: 
Adriano Callé Lucas

Jaime Freire venceu Prémio Maria da Nóbrega


Texto: Mónica Sofia Lopes Sábado, 20 de Abril de 2024

Jaime Freire, da Figueira da Foz, venceu a primeira edição do Prémio Literário Maria da Nóbrega com o conto “Bussaco Ilustre”. “Enganos do Bosque”, de José Rodrigues, de Vila Velha de Ródão, e a “Carta Portuguesa”, de Nuno Azevedo, de Braga, arrecadaram o segundo e terceiro lugares, respetivamente. As menções honrosas foram para os contos “Quando deixei de te esperar”, de Eva Ferreira, também de Braga; “Herculana, rainha do deserto”, de Nuno Rodrigues, de Faro; e “Eleutério”, de Mário da Silva Carvalho, da Pampilhosa.


Foram a concurso 65 contos, de autores de norte a sul do país, que atestaram, segundo palavras de António Breda Carvalho, presidente do júri, que «vale a pena apostar na cultura literária, na medida em que leva o concelho da Mealhada longe».

Sobre a obra vencedora, Miguel Midões, outro dos elementos do júri – onde também esteve Clara Cabral -, e também ele autor de dois livros, destacou «a modernidade, resguardando-se, contudo, da banalidade. A única glória presente é o Bussaco».

Leia a notícia completa na edição em papel.
CCDR Funtos Europeus