Jornal Republicano – Órgão Regionalista das Beiras – Há 93 anos a informar
Fundador: 
Adriano Lucas (1883-1950)
Diretor "In Memoriam":  
Adriano Lucas (1925-2011)
Diretor: 
Adriano Callé Lucas

Alienação de prédios retirada dos trabalhos


Deputados municipais respeitaram um minuto de silêncio por Artur Jorge Sexta, 23 de Fevereiro de 2024

O ponto “alienação de 10 prédios do domínio privado municipal em hasta pública”, com um valor patrimonial na ordem dos 2,5 milhões de euros, foi retirado da ordem do dia da Assembleia Municipal de Coimbra, depois de um desafio lançado pelo deputado socialista Vítor Parola.
Na discussão do ponto, José Manuel Silva pormenorizou, ou pelo menos identificou alguns dos destinos da verba a conseguir. Por exemplo na reabilitação da escola básica do Ameal ou da EB de Ceira, reabilitação de pontões em Ceira ou na primeira creche municipal, entre outros.
Recorde-se que na aprovação em reunião de Câmara (com votos contra do PS e abstenção da CDU) nada foi dito sobre investimentos com o valor da hasta pública. No geral, a proposta informava então que o objetivo era «promover a dinâmica territorial, desonerar o Município dos encargos com a manutenção regular destes imóveis e possibilitar a sua transmissão a terceiros, impulsionando o desenvolvimento económico do concelho».
«Foi pena» só dizer agora o destino das verbas, considerou Vítor Parola, ao anunciar o voto contra da bancada do PS, numa altura em que a CDU já informara que não votaria a favor. Depois de nova intervenção de José Manuel Silva, Vítor Parola sugeriu ao presidente da Câmara que pedisse para retirar o ponto, submetendo-o à próxima Assembleia Municipal, com nova fundamentação. O que aconteceu, com a concordância da mesa da AM.

Tasca do Ronaldão



Edição de Hoje, Jornal, Jornais, Notícia, Diário de Coimbra, Diário de Aveiro, Diário de Leiria, Diário de Viseu