Jornal Republicano – Órgão Regionalista das Beiras – Há 93 anos a informar
Fundador: 
Adriano Lucas (1883-1950)
Diretor "In Memoriam":  
Adriano Lucas (1925-2011)
Diretor: 
Adriano Callé Lucas

Arte e cultura são ferramentas de coesão e combate às assimetrias


Terça, 09 de Janeiro de 2024

Dezenas de crianças encheram o palco do auditório do Edifício Monsenhor Nunes Pereira e, em ambiente de festa, ao som dos bombos, cantaram as Janeiras/Reis e fizeram questão de destacar a «gente boa e hospitaleira» da Pampilhosa da Serra. Como manda a tradição, no final foram contemplados com um docinho. Um cesto cheio de rebuçados que, em resposta ao desafio lançado pela vice-presidente da Câmara de Pampilhosa a Serra, Alexandra Tomé, coube ao ministro da Cultura, Pedro Adão e Silva, distribuir. Um momento cultural que representou o pontapé de saída do primeiro encontro de projetos apoiados pelo programa Arte e Coesão Territorial, promovido pela Direção Geral das Artes (DGArtes) e destinado a territórios de baixa densidade. Um primeiro momento de reflexão sobre este programa, destinado a 76 municípios do Norte, Centro, Alentejo, Açores e Madeira, realizado ontem.
«Um programa que tem como objetivo promover a coesão territorial e resolver assimetrias», destacou a vice-presidente da autarquia, que enalteceu os 34 projetos artísticos aprovados, apresentados por 30 municípios, um dos quais a Pampilhosa da Serra. «Um projeto que irá enriquecer o território», garantiu, lembrando a identidade e o orgulho das gentes da serra, que persistem em fazer deste território «o seu cantinho do céu». Alexandra Tomé lembrou os desafios que se colocam «ao interior do interior», designadamente a desertificação, defendendo que só com «políticas de discriminação positiva» será possível resolver.

Tasca do Ronaldão



Edição de Hoje, Jornal, Jornais, Notícia, Diário de Coimbra, Diário de Aveiro, Diário de Leiria, Diário de Viseu