Jornal Republicano – Órgão Regionalista das Beiras – Há 89 anos a informar
Fundador: 
Adriano Lucas (1883-1950)
Director "In Memoriam":  
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Mobilidade eléctrica “já não é uma graça”


sábado, 21 setembro 2019

A mobilidade eléctrica «já não é uma graça» e «veio para ficar», conforme refere Ricardo Oliveira, da Renault Portugal, mas há questões «menos» positivas que é preciso ter em conta, quando se fala em ganhos económicos e para o ambiente, alerta Ana Bastos, docente do Departamento de Engenharia Civil da Universidade de Coimbra, especialista em transportes e urbanismo. 

Na conferência Explora o Eléctrico - uma conversa à volta da mobilidade do futuro, que decorreu ontem, ao final da tarde, no Exploratório - Centro Ciência Viva de Coimbra. a professora universitária alertou para os custos da produção de energia «à base de combustíveis fósseis», acrescentando, no entanto, que «o grande problema» estará relacionado com as baterias de litium. «São produzidos entre 6 a 8 toneladas de CO2 (dióxido de carbono) só na produção de uma bateria», referiu a especialista, sem deixar de questionar; «e depois, o que fazer a tantas baterias?». Ou seja, concluiu Ana Bastos, o que importa melhorar nos veículos eléctricos está relacionado com «as emissões a montante», ou seja, antes dos veículos começarem a circular.

Leia a notícia completa na edição em papel.